15 de Janeiro de 2023 - Rodrigo Cézar Limeira - (541 acessos) Comentário

Rodrigo Cézar faz análise da temperatura da superfície do mar em meados de janeiro de 2023, assistam o vídeo

É de fundamental importância, o monitoramento da temperatura da superfície dos oceanos, pois majoritariamente é deles que evapora o vapor d´água que logo depos vai produzir chuva ao interagir com o calor. 

 


 

Dessa forma, esse vídeo se propõe a analisar as condições de TSM(Temperatura da Superfície dos Mar), do dia 13 de janeiro de 2023, apresentando os possíveis impactos do aquecimento ou resfriamento das regiões oceânicas sobre as chuvas em várias regiões brasileiras.

 

Dessa forma, a região do Niño 3.4 que fica na região central do Oceano Pacífico Equatorial, ela influencia diretamente no padrão de distribuição dos ventos em altitude principalmente sobre o norte das Regiões Norte e Nordeste do Brasil.

 

Já a região do Niño 1+2 que fica na costa do Equador e Peru, influencia diretamente no padrão de distribuição dos ventos em altitude sobre a Região Sul do País, já a região do Atlântico Sudoeste, que fica na costa da Região Sul e em parte da costa do Sudeste, influencia na distribuição das chuvas associadas às frentes frias que atuam nessas duas regiões.

 

 

O Atlântico Sul na altura da costa leste do Nordeste, fornece umidade para a quadra chuvosa que dura de fevereiro a maio, do Semiárido do Setor Norte do Nordeste, assim como o Atlântico Norte que também influencia no posicionamento da Zona de Convergência Intertropical dentro do mencionado período.

 

Créditos: Tropicaltidbits.com

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Social:

28 de Janeiro de 2023

Publicidade

Visitas até o momento